Filme: O Amor de Catarina


Comédia romântica | Livre | 95 min | Brasil
Direção: Gil Baroni
Elenco: Greice Barros, Kéfera Buchmann, Ciliane Vendruscolo
Sinopse:
Rose é uma dona de casa que sempre idealizou sua vida com uma família perfeita. A realidade, no entanto, é muito diferente. Seu casamento está em completo descompasso e sua filha lhe nega qualquer tipo de atenção. Em meio a essa situação nada ideal, Rose encontra alento em lembranças que cultiva em uma caixa de sapatos e na companhia de sua vizinha e melhor amiga, Dolores. Ambas acompanham assiduamente a telenovela “O Amor de Catarina”, sucesso nacional, que retrata a história de Catarina, que vive um turbulento relacionamento com um marido possessivo e que a cada episódio assume mais o controle de sua vida graças a sua personalidade forte e independente. 



Olá Colecionadores!
Neste post vou comentar sobre o filme O Amor de Catarina, filme nacional e Curitibano. Isso mesmo! Foi todo filmado em Curitiba, no Mercado das Pulgas. O filme conta com a participação da Kéfera, nunca tinha visto nada dela e fiquei impressionada com sua atuação. 
O filme conta a trajetória de Catarina, uma mulher do lar, que vê sua vida matrimonial desmoronar aos poucos. Com uma filha adolescente rebelde e um marido infiel, Catarina  representa o estereótipo de muitas mulheres da década de 80. O filme não tem muita ação, o que o deixa monótono, mas contém cenas engraçadas, como a da personagem Dolores por exemplo, que é o tipo de pessoa que causa vergonha alheia. 
No inicio do filme, fiquei bastante perdida, pois não estava conseguindo entender o enredo, mas conforme a história vai avançando, vai ficando mais claro a intenção do diretor e no final, consegui perceber  o objetivo do filme. Fazendo uma analogia, O Amor de Catarina é um filme que só se consegue ter um vislumbre, depois de montado, como em um quebra-cabeça.
Há duas frases que me marcaram no filme, frases essas que expressam muito bem qual era o lugar da mulher na época em que o filme se passa.

"Para o pai, filho é um hoby; Para a mãe, é profissão."

Catarina lança essa frase, depois de discutir com a filha, que menospreza a mãe e idolatra o pai. A mãe, aquela que faz tudo (cozinha, limpa e cuida da casa), enquanto que o pai, vive ausente, trabalhando e chegando em casa cada vez mais tarde. 
"Eu sou a mulher perfeita para quem eu quiser!"

No final do filme, Catarina diz essa frase, mas não vou contar o contexto para não dar spoiler!
É isso, espero que tenham se interessado e apreciem o filme, pois acredito que muitas poderão se reconhecer na personagem de Catarina ou então reconhecer alguém, uma amiga ou outro familiar! Assisti o filme na Espaço Itaú de Cinema, mas acredito que não esteja mais em cartaz. 

12 comentários:

  1. Nunca tinha ouvido falar nesse filme, mas fiquei bastante curiosa. Ao meu ver, é um drama familiar riquíssimo! Vou buscar saber mais sobre ele.

    Bjs
    www.livrosdabeta.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É interessante a forma como a dinâmica familiar é apresentada, acredito que irá gostar! Obrigada por comentar! Bj

      Excluir
  2. Olá!
    Não conhecia esse filme e achei a sinopse bem interessante.
    Anotada a dica!
    Espero assistir em breve.

    Até a próxima!

    Camila de Moraes - Blog Book Obsession

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou Camila e obrigada por comentar! Bj

      Excluir
  3. Oi!!

    não conhecia ainda esse filme! Acho q como estou apostando em ler mais literatura nacional posso apostar mais em filmes nacionais, né não? Apesar de parado pareceu bem legal

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse filme é nacional Fernanda, daqui de Curitiba. Espero que possa assisti-lo e tirar suas próprias conclusões! Obrigada por comentar! Bj

      Excluir
  4. Oie

    Eu não conhecia o filme mas já fiquei interessada, adoro dramas familiares.
    Obrigada por compartilhar, vou tentar assistir agora no período das férias.

    bjs
    Fernanda Y.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fernanda, que bom que se interessou e tomara que encontre e goste! Obrigada por comentar! Bj

      Excluir
  5. Olá, eu ainda não conhecia o filme mas fiquei interessada. Pelo que você falou eu já imagino que eu vá gostar. Vou procurar para poder assistir também.

    ResponderExcluir
  6. Oi, tudo bem?
    Esse filme provavelmente não assistirei, não curti a premissa e não gosto da Kéfera, vi o trailer do outro filme dela e achei a atuação bem forçada, espero que tenha melhorado nesse.
    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Olá Sophia,
    Comecei a seguir o blog hoje, parabéns por ele!
    Eu não conhecia o filme, mas parece ser bom.
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Olá,

    Apesar de seus comentários serem positivos em relação ao filme, não me senti propensa a assistir-lo. Primeiro porque não é meu estilo, e, segundo porque a história não me despertou a curiosidade. Sendo assim, deixo a dica passar :)

    Beijos,
    entreoculoselivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Muito obrigada pelo seu comentário! Ele é importante para nós!

COLECIONANDO ROMANCES. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.
DESIGN E DESENVOLVIMENTO POR SOFISTICADO DESIGN.