Revista Conexão Literatura N° 48






Olá, tudo bem?
Já está disponível a nova edição da Revista Conexão Literatura, nº 48 (junho).
EDITORIAL

Mais do que um prazer, a leitura é uma necessidade. Desbravar novos mundos. Obter conhecimento. Descobrir novos horizontes e aprender a questionar.

"A leitura é para o intelecto o que o exercício é para o corpo" - J. Addsion

Pratique o hábito da leitura ;)

Estamos nas redes sociais com atualizações diárias. Siga-nos e fique por dentro do que acontece no mundo da literatura:
Facebook: @conexaoliteratura
Twitter: @ademirpascale
Instagram: @revistaconexaoliteratura

Para publicar, divulgar sua obra ou anunciar em nosso site ou próxima edição, acesse: http://www.revistaconexaoliteratura.com.br/p/midia-kit.html

Tenha uma ótima leitura!

Link para download da edição 48: http://www.fabricadeebooks.com.br/conexao_literatura48.pdf

Revista Conexão Literatura N° 47

Bom dia colecionadores!  Tudo bem?
Já está disponível a edição de nº 47 da revista Conexão Literatura. Para saber mais, é só acessar a página: http://www.revistaconexaoliteratura.com.br/2019/04/disponivel-nova-edicao-da-revista.htm


Revista Conexão Literatura N° 46







O mês de abril chegou com mais uma edição pontual da Revista Conexão Literatura, recheada de informações, dicas de livros, entrevistas com escritores, contos, crônicas e um novo layout interno.

Para saber como publicar, divulgar o seu livro ou anunciar em nosso site e próxima edição, acesse: www.revistaconexaoliteratura.com.br/p/midia-kit.html

A nossa revista é gratuita para os leitores e só pedimos que compartilhe para os seus amigos, assim você estará ajudando o nosso trabalho de incentivo à leitura. ;) Compartilhe.

Tenham uma ótima leitura!

P.S. Deixamos um canal aberto para feedback dos leitores. Basta escrever para: ademirpascale@gmail.com

Para saber como baixar a nova edição, acesse: http://www.revistaconexaoliteratura.com.br/2019/03/ja-esta-disponivel-nova-edicao-da.html


Ademir Pascale
Editor-Chefe | Revista Conexão Literatura
http://www.revistaconexaoliteratura.com.br

RESENHA 143: Audácia e Presunção Os Watsons de Jane Austen com o final de Lis Wey



Olá Colecionadores! Tudo bem com vocês?
Hoje apresento uma resenha de um livro incrível! Como fã de Jane Austen, dispenso qualquer comentário sobre sua obra, mas este livro não foi totalmente escrito pela Jane. É uma obra inacabada, sendo finalizada pela querida Lis Wey, também fã da Jane e que conseguiu captar a essência, não do livro, mas da autora para poder finalizar da forma como ela finalizou. É obvio que tem um pouquinho da Lis nas linhas escritas, mas se um leitor desavisado pegar este livro para ler, poderá não notar a diferença.




Livro: 033/2019 
Literatura Nacional (E-book)
Data de término: 10/03/2019


Sinopse: Jane Austen abandonou a escrita de The Watsons por volta de 1805, deixando a história de Emma, Elizabeth, Margaret e Penélope sem um final. Em 1850, a sobrinha Catherine Hubback o publicou - "The Younger Sister", ainda sem tradução no Brasil -, provavelmente seguindo as confidências de Jane Austen à sua irmã Cassandra sobre as previsões de final.

Mais de 200 anos depois, a jovem autora brasileira Lis Wey decidiu reviver as páginas de uma de suas autoras prediletas, propondo uma versão em Língua Portuguesa para a obra e escrevendo um final diferente para o romance.

"Emma Watson é a mais nova dos filhos de um viúvo adoecido. Depois de anos vivendo sob a tutela de uma tia na Escócia, foi enviada de volta para casa e encontrou suas irmãs, descobrindo inimizades, desentendimentos, rancores e mal-entendidos. Influenciada pelas percepções da irmã mais velha, Elizabeth, Emma passa a observar as pessoas e formar a própria opinião sobre elas.

Elizabeth, a irmã mais velha e responsável pelos cuidados com o pai, sofreu uma desilusão causada por Penélope, outra de suas irmãs, que a afastou de Purvis, o grande amor de Eli. Depois disso, Penélope partiu atrás de um marido. Outra de suas irmãs, Margareth, disputa com todas as moças solteiras o amor do galanteador Tom Musgrave.

No primeiro baile que comparece, Emma conhece a família Edwards e os Osbornes, família mais abastada da região, além do antigo tutor de lorde Osborne, o senhor Howard, personagens cruciais no desenrolar da trama."

Os conflitos das irmãs fazem desta história de Jane Austen um terreno fértil à criatividade de Lis Wey, autora de "A Herdeira do Título", "O Segredo de Lady Julie" e outros romances de época nacionais ambientados na Inglaterra de Austen.




Me surpreendeu!
Quando fui convidada a ler, não sabia ao certo que esperar do livro. Amo Jane Austen e conheço do trabalho da Lis o suficiente para saber que seria um bom livro. Mas o livro não tem nada de bom, a não de de ótimo. Me surpreendeu muito, muito mesmo.
Comecei a leitura, com a parte escrita pela Jane e a escrita estava muito engessada, não estava sendo prazerosa a leitura, era como se a autora estivesse sendo obrigada a escrever sobre algo que ela não queria. 
Quando dei inicio a segunda parte do livro, esta sim escrita pela Lis, a coisa muda. Foi como se uma nuvem negra se afastasse para dar lugar aos raios solares. O livro começou a fluir mais, o enredo cada mais mais interessante, a ponto de não conseguir largar enquanto não cheguei ao final. E que final, bem tipico da Jane! Confesso que a condução do enredo pela Lis, me levou a crer em uma situação que não ocorreu, o que decepcionou um pouco, mas me deixou feliz com as escolhas que ela fez. 
Enfim, para quem ama Jane vai se encantar com este livro e quem ainda não conhece o trabalho da Lis, é uma ótima oportunidade para conhecer!
Super indico a leitura!







COLECIONANDO ROMANCES. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.
DESIGN E DESENVOLVIMENTO POR SOFISTICADO DESIGN.